Voltar
Formazione Cybersecurity per Aziende | MetaCompliance

Produtos

Descubra o nosso conjunto de soluções personalizadas de formação em sensibilização para a segurança, concebidas para capacitar e educar a sua equipa contra as ciberameaças modernas. Desde a gestão de políticas a simulações de phishing, a nossa plataforma equipa a sua força de trabalho com os conhecimentos e as competências necessárias para proteger a sua organização.

eLearning em Cibersegurança

Cyber Security eLearning para explorar a nossa biblioteca de eLearning premiada, adaptada a cada departamento

Automação da Sensibilização para a Segurança

Programe a sua campanha anual de sensibilização em apenas alguns cliques

Simulação de phishing

Impeça os ataques de phishing no seu caminho com o premiado software de phishing

Gestão de políticas

Centralize as suas políticas num único local e faça uma gestão sem esforço dos ciclos de vida das políticas

Gestão de privacidade

Controlar, monitorizar e gerir a conformidade com facilidade

Gestão de Incidentes

Assuma o controlo dos incidentes internos e corrija o que é importante

Voltar
Indústria

Indústrias

Explore a versatilidade das nossas soluções em diversos sectores. Desde o dinâmico sector tecnológico até aos cuidados de saúde, descubra como as nossas soluções estão a fazer ondas em vários sectores. 


Serviços Financeiros

Criando uma primeira linha de defesa para organizações de serviços financeiros

Governos

Uma solução de sensibilização para a segurança para os governos

Empresas

Uma solução de formação de sensibilização para a segurança para grandes empresas

Trabalhadores à distância

Incorporar uma cultura de sensibilização para a segurança - mesmo em casa

Sector da Educação

Formação de sensibilização para a segurança no sector da educação

Trabalhadores do sector da saúde

Veja a nossa sensibilização para a segurança personalizada para profissionais de saúde

Indústria tecnológica

Transformar a formação em sensibilização para a segurança na indústria tecnológica

Conformidade NIS2

Apoie os seus requisitos de conformidade Nis2 com iniciativas de sensibilização para a cibersegurança

Voltar
Recursos

Recursos

Desde cartazes e políticas a guias definitivos e estudos de casos, os nossos recursos de sensibilização gratuitos podem ser utilizados para ajudar a melhorar a sensibilização para a cibersegurança na sua organização.

Cyber Security Awareness For Dummies - MetaCompliance

Um recurso indispensável para criar uma cultura de ciberconsciência

Guia de Segurança Cibernética para Principiantes Elearning

O melhor guia para implementar uma aprendizagem eficaz sobre cibersegurança

Guia definitivo para phishing

Educar os funcionários sobre como detetar e prevenir ataques de phishing

Cartazes de consciencialização gratuitos

Descarregue estes cartazes gratuitos para aumentar a vigilância dos empregados

Política anti-phishing

Criar uma cultura consciente da segurança e promover a sensibilização para as ameaças à cibersegurança

Estudos de casos

Saiba como estamos a ajudar os nossos clientes a promover comportamentos positivos nas suas organizações

Terminologia de Segurança Cibernética A-Z

Glossário de termos de cibersegurança obrigatórios

Modelo de maturidade comportamental em cibersegurança

Audite a sua formação de sensibilização e compare a sua organização com as melhores práticas

Coisas grátis

Descarregue os nossos activos de sensibilização gratuitos para melhorar a sensibilização para a cibersegurança na sua organização

Voltar
MetaCompliance | Formazione Cybersicurezza per Aziende

Sobre

Com mais de 18 anos de experiência no mercado da cibersegurança e da conformidade, a MetaCompliance oferece uma solução inovadora para a sensibilização do pessoal para a segurança da informação e para a automatização da gestão de incidentes. A plataforma MetaCompliance foi criada para responder às necessidades dos clientes de uma solução única e abrangente para gerir os riscos pessoais relacionados com a cibersegurança, a proteção de dados e a conformidade.

Porquê escolher-nos

Saiba por que a Metacompliance é o parceiro de confiança para o treinamento de conscientização sobre segurança

Especialistas em envolvimento de empregados

Facilitamos o envolvimento dos funcionários e a criação de uma cultura de consciencialização cibernética

Automação da Sensibilização para a Segurança

Automatize facilmente a formação de sensibilização para a segurança, o phishing e as políticas em minutos

Liderança

Conheça a Equipa de Liderança da MetaCompliance

MetaBlog

Mantenha-se informado sobre tópicos de formação de sensibilização cibernética e mitigue os riscos na sua organização.

Porque é que a formação em cibersegurança "out-of-the-box" está desactualizada

formação em cibersegurança

sobre o autor

Partilhar esta publicação

Dado que as ciberameaças continuam a aumentar a sua sofisticação, tornou-se cada vez mais crítico para as organizações dar prioridade a uma formação sólida em cibersegurança.

Consequentemente, a procura de formação eficaz em matéria de cibersegurança registou um aumento significativo nos últimos anos. No entanto, confiar apenas nos métodos de formação tradicionais e prontos a utilizar está a tornar-se cada vez mais ineficaz.

Esta publicação do blogue analisa as razões pelas quais a formação em cibersegurança pronta a usar está desactualizada e porque é necessária uma abordagem mais dinâmica e personalizada para fazer face à evolução do panorama cibernético.

No mundo digital hiperconectado de hoje, os métodos tradicionais de formação em cibersegurança não estão a conseguir dotar os indivíduos e as organizações das competências e conhecimentos necessários para se defenderem das ameaças emergentes. Os conteúdos obsoletos, o envolvimento limitado, a incapacidade de abordar os factores humanos, a adaptabilidade inadequada, a personalização limitada e a falta de aprendizagem contínua contribuem para a obsolescência dessas abordagens de formação.

Seguem-se várias razões pelas quais a formação em cibersegurança pronta a usar está desactualizada:

  • Conteúdo obsoleto e âmbito limitado

A formação em cibersegurança pronta a utilizar baseia-se muitas vezes em cursos pré-embalados que fornecem informações genéricas e cobrem apenas os aspectos básicos. Embora estes cursos possam introduzir conceitos fundamentais aos formandos, não abordam a natureza complexa e em constante evolução das ciberameaças. Os cibercriminosos desenvolvem constantemente novas tácticas e técnicas para violar os sistemas de segurança, pelo que é crucial que os programas de formação acompanhem o ritmo.

  • Falta de envolvimento e interatividade

Uma lacuna comum da formação out-of-the-box é a sua natureza passiva, em que se espera que os formandos assistam a palestras longas e monótonas ou leiam materiais de instrução secos. Esta abordagem passiva leva ao desinteresse e a uma retenção limitada da informação. Em contrapartida, uma formação eficaz em cibersegurança deve ser interactiva, envolvendo actividades práticas, simulações e cenários do mundo real para garantir a participação ativa e a aplicação prática dos conhecimentos.

  • Não abordagem dos factores humanos

Um dos aspectos mais críticos da cibersegurança é compreender o comportamento humano e o seu impacto na postura de segurança de uma organização. Os métodos de formação tradicionais ignoram frequentemente este elemento vital, centrando-se apenas nos aspectos técnicos. No entanto, os ciberataques exploram frequentemente as vulnerabilidades humanas, como os esquemas de phishing, a engenharia social ou os comportamentos negligentes. Ao negligenciar a abordagem destes factores humanos, a formação pronta a usar deixa as organizações susceptíveis a violações evitáveis.

  • Adaptabilidade inadequada a ameaças emergentes

O panorama das ciberameaças está em constante evolução, com o aparecimento regular de novos vectores e técnicas de ataque. Normalmente, a formação pronta a utilizar não consegue acompanhar esta evolução. Na altura em que um curso pré-preparado é criado, pode já estar desatualizado. Uma formação eficaz em cibersegurança deve ter a flexibilidade necessária para se adaptar e incorporar as últimas tendências, vectores de ataque e estratégias defensivas.

  • Personalização limitada

Cada organização tem necessidades únicas em matéria de cibersegurança e enfrenta ameaças distintas. No entanto, a formação pronta a utilizar trata a cibersegurança como uma abordagem única, ignorando os requisitos específicos de cada organização. Ao negligenciar a adaptação da formação às necessidades e riscos específicos de uma organização, a formação tradicional não consegue preparar adequadamente os indivíduos para se defenderem contra as ameaças que provavelmente encontrarão.

  • Falta de aprendizagem contínua e de actualizações

A cibersegurança não é um esforço único; requer uma aprendizagem e adaptação contínuas. Muitas vezes, as formações prontas a utilizar não fornecem actualizações regulares ou apoio à melhoria contínua. Para combater eficazmente o cenário cibernético em constante mudança, as organizações precisam de programas de formação que incentivem a aprendizagem contínua, forneçam informações actualizadas e permitam que os indivíduos se mantenham informados sobre as últimas ameaças e estratégias de defesa.

Para responder aos desafios do panorama cibernético em rápida evolução, é essencial uma abordagem mais dinâmica e adaptada à formação em cibersegurança. As organizações devem investir em programas de formação interactivos e cativantes que proporcionem experiências práticas, abordem as vulnerabilidades humanas, se adaptem às ameaças emergentes e permitam a personalização das necessidades individuais. Ao adotar estes métodos de formação inovadores, os indivíduos e as organizações podem melhorar a sua ciber-resiliência e proteger-se contra as crescentes ciberameaças da era digital.

Os programas de formação em cibersegurança dinâmicos e adaptados oferecem várias vantagens em relação às abordagens tradicionais e prontas a utilizar. Vamos explorar estes benefícios em mais pormenor:

  • Conteúdo relevante e atualizado: Ao contrário dos materiais de formação prontos a utilizar, os programas personalizados podem ser actualizados regularmente para refletir as mais recentes ameaças informáticas, técnicas de ataque e estratégias de defesa. Ao manterem-se actualizados com o cenário de ameaças em evolução, os participantes adquirem conhecimentos práticos e competências que são diretamente aplicáveis a cenários do mundo real.

  • Experiências de aprendizagem interactivas: Envolver os participantes através de experiências de aprendizagem interactivas é crucial para uma formação eficaz em segurança cibernética. Os programas personalizados podem incorporar actividades práticas, simulações e elementos de gamificação para incentivar a participação ativa. Estes elementos interactivos promovem o pensamento crítico, a tomada de decisões e a capacidade de resolução de problemas num ambiente de aprendizagem controlado.

  • Foco nos factores humanos: É essencial reconhecer o papel do comportamento humano na cibersegurança. Os programas de formação personalizados abordam o elemento humano, educando os indivíduos sobre as tácticas comuns de engenharia social, sensibilizando-os para a importância de palavras-passe fortes e incutindo uma cultura de consciência de segurança em toda a organização. Ao abordar as vulnerabilidades humanas, as organizações podem reduzir significativamente o risco de ciberataques bem sucedidos.

  • Cenários do mundo real e aplicação prática: Os cursos genéricos de cibersegurança carecem frequentemente de contexto real, deixando os participantes inseguros quanto à forma de aplicar os seus conhecimentos em situações práticas. Os programas de formação personalizados podem incorporar cenários realistas que reproduzem ameaças cibernéticas reais, permitindo aos participantes aplicar as suas competências e conhecimentos num ambiente controlado. Esta experiência prática aumenta a sua capacidade de responder eficazmente a incidentes cibernéticos.

  • Personalização de acordo com as necessidades da organização: Cada organização tem requisitos únicos de cibersegurança com base em factores como a indústria, a dimensão e a infraestrutura. Os programas de formação personalizados podem ser concebidos para abordar vulnerabilidades e ameaças específicas que sejam relevantes para uma determinada organização. Esta personalização garante que os participantes recebem formação que se alinha diretamente com as suas funções e responsabilidades, maximizando a eficácia do programa.

  • Aprendizagem e reforço contínuos: A cibersegurança é um esforço contínuo e a formação deve refletir esta realidade. Os programas devem incluir mecanismos de aprendizagem contínua, tais como actualizações periódicas, acesso a recursos actualizados e apoio contínuo de especialistas. Esta abordagem promove uma cultura de melhoria contínua e incentiva os indivíduos a manterem-se vigilantes e informados sobre as ameaças emergentes.

  • Métricas e avaliação: Os programas de formação eficazes devem incorporar métricas e ferramentas de avaliação para medir o progresso dos participantes e identificar as áreas que necessitam de ser melhoradas. Ao acompanhar os principais indicadores de desempenho, as organizações podem avaliar a eficácia da formação e tomar decisões informadas sobre futuras iniciativas de formação. Esta abordagem baseada em dados ajuda as organizações a afetar recursos de forma eficaz e a maximizar o retorno dos seus investimentos em cibersegurança.

Perante a constante evolução das ciberameaças, confiar apenas na formação em cibersegurança tradicional e pronta a utilizar já não é suficiente. Os programas de formação dinâmicos oferecem uma alternativa superior, fornecendo conteúdos relevantes e actualizados, fomentando experiências de aprendizagem interactivas, abordando os factores humanos, promovendo a aplicação prática dos conhecimentos, adaptando a formação às necessidades organizacionais, apoiando a aprendizagem contínua e fornecendo métricas para avaliação.

Para construir uma forte defesa contra os ciberataques, as organizações devem dar prioridade ao investimento em programas de formação inovadores e adaptados que capacitem os indivíduos com as competências e os conhecimentos necessários para navegar no complexo panorama cibernético. Ao adoptarem uma abordagem proactiva à formação em cibersegurança, as organizações podem reduzir o risco de violações de segurança, proteger dados sensíveis e salvaguardar os seus activos digitais num mundo cada vez mais interligado.

Outros artigos sobre a formação em sensibilização para a cibersegurança que poderão ser do seu interesse